1 de jan de 2014

Eu esfrego suas costas e ...


No começo o casal disputa quem fica com a esponja para esfregar as costas, primeiro, do cônjuge.
 O tempo passa e tudo com o tempo muda.

Alguns anos depois, os casal jà disputa para ter suas costas lavada, primeiro.

A medida que o tempo passa, o casal gasta mais tempo para definir quem fica com a esponja, quem vai esfregar as costas do outro primeiro e, passa menos tempo, juntos no banho.

Tempos depois, um não quer nem entrar no chuveiro junto com o outro, quanto mais, esfregar as costas do outro.

A essa altura do campeonato, os braços ficaram mais curtos, e já não alcançam as próprias costas.

Para evitar brigas, discussões e bate boca, proponho uma solução que permitirá que o casal volte a viver aquele agradável momento de sentir suas costas sendo acariciada, esfregada. Ter de volta aquela sensação prazerosa no banho.

Eu proponho que o casal tenha...


 um escovão.