27 de abr de 2014

Selfie life


Em 8 dias de viagem, tirei algo em torno de 1000 fotos, das quais 600 eu selecionei como as melhores, deletando as restantes.
Em apenas 2 momentos eu fiz autorretrato.
Por outro lado, andando pela praia, só vi pessoas fazendo suas "selfies".
Não vi as pessoas, olhando a areia onde pisa, o sol que a cobre, ou o horizonte e as ondas.
Nenhuma foto sendo feita sem que a pessoa estivesse no foco central.
No Forte São João, não fotografam os canhões. Fotografam os canhões do lado das pessoas.
A cada flash, mais e mais, está sendo sedimentada a ideia de que o "EU" deve prevalecer e suplantar todas as outras coisas. Que nada mais é importante do que a própria pessoa que esta se fotografando.
Tenho receio deste comportamento e onde ele nos levará.