15 de nov de 2008

Maiores e piores empresas



Diante de mais uma ocorrência de ausência de internet fiz algumas anotações...
É revoltante, notar o descaso com que algumas empresas tratam seus clientes.
É o caso das telefônicas, tanto fixas quanto móveis.
Do jeito que anda a falta de atenção e carinho com os consumidores, logo as empresas vão mover processos contra os consumidores por estes ousarem a reclamar da qualidade dos serviços e produtos da empresa!
Parte da culpa desse descaso é nossa. Sim, nossa como consumidores omissos, quando não reclamamos eficazmente do produto, nossa quando não movemos as ações cabíveis e nossa, também é a culpa, quando escolhermos errado os representantes políticos que permitem que algumas normas protecionistas (para as empresas) sejam criadas.
Como ser eficaz na reclamação?
Registrar os fatos, registrar as reclamações registrar as promessas e principalmente cobrar os resultados nos prazos prometidos.
Não vou nem falar do passado, quando era um pouco mais trabalhoso registrar os fatos, mas hoje, não há mais desculpa.
Qualquer consumidor tem acesso a uma câmera digital ou celular com câmera, mesmo que seja uma câmera VGA.
Vários celulares possuem gravador de som. Além disso, vários players de mp3 também, são gravadores digitais.
Então, vamos adquirir o hábito de gravar as conversas, de fotografar os defeitos dos produtos e suas falhas e vamos escrever (sim! eu disse escrever) seja a mão, seja na máquina de escrever ou no computador, imprimindo ou enviando por e-mail, mas vamos escrever nossas reclamações.
Não vamos deixar a questão somente no verbal e na confiança do atendente que em vários momentos é super gentil.
Se agirmos agora e continuarmos a agir assim, em cinco (5) anos não veremos mais empresas tratando nos consumidores como pedintes de esmolas.
Vamos colocar as coisas nos seus devidos lugares, afinal, empresas existem para satisfazer nossas necessidades. Elas é que nos servem, não o contrário, não somos nem devemos ser escravos das empresas, de adquirirmos o que elas querem, de usarmos o que elas decidiram que devemos usar.
Espero ver em breve empresas que tratam os clientes com total falta de educação,, fechando suas portas ou mudando sua forma de tratar o consumidor.
Está mais do que na hora de empresas como TELEFONICA, CLARO, VIVO, NET, Companhias aéreas, companhias de ônibus, criarem vergonha na cara e passarem a atender seus clientes com mais respeito.
Sei que sou apenas um beijaflôr nessa história, mas, faço a minha parte. Não compro produtos e serviços de quem não me respeita como ser humano e principalmente, como a pessoa mais importante para a sobrevivência da empresa "o consumidor".
Enquanto isso, fico mais um dia sem internet, afinal, o que é mais um dia de trabalho perdido, para uma empresa que não enxerga a importância de seus publico consumidor e que chega a usar como personagem de propaganda um general Soviético.
Como posso confiar numa empresa que está usando como símbolo uma figura, obsoleta, de uma nação que não existe mais e que tinha sérios problemas de falta de tecnologia e autoritarismo. A única semelhança que encontro é que lá no pais de origem do personagem as pessoas viviam congeladas de tanto frio... e aqui a internet deles vive "congelada " impedindo o acesso dos clientes!
O que acham da idéia de neste dia 15 de novembro, proclamarmos o fim de alguns abusos ou o fim de algumas empresas?